quarta-feira, 31 de março de 2010

Salmão Marinado (com salada)

Nessa técnica culinária a carne do pescado é cozida no próprio vinagrete.

Para a marinada
  • 700 g de salmão (sem pele e espinhos)
  • 2 c.s. de folhas de orégano, salsa, endro
  • sal
  • 1 pitada de açúcar
  • 1 c.s. de cravo, cominho, coentro e pimenta
  • a casca de meia laranja
  • 100 ml de vinagre de maçã
Para a salada
  • 150 g de folhas de alface variadas
  • 1 cebola roxa
Para o molho de mostarda
  • 200 g de iogurte
  • 50 g de maionese
  • 1 c.c. de curry
  • 1 c.c. de endro picado
Como Fazer

Picar as ervas aromáticas.
Cortar o peixe em tiras grossas e colocá-lo dentro de uma vasilha.
Temperar com o sal, o açúcar, as especiarias, as ervas aromáticas, a casca de laranja e o vinagre de maçã.
Cobrir com filme plástico e deixar macerar por 12 horas na geladeira.

Lavar e rasgar as folhas de alface. Descascar a cebola e picar bem fino.

Misturar a maionese, o iogurte, o curry e o endro picado.

Montar os pratos individuais de salada com as folhas de alface, a cebola e o salmão marinado. Acompanhar com o molho de mostarda.

Salada de Couve-flor

Ingredientes
  • 1 couve-flor
  • 6 batatinhas
  • 12 tomates cereja
  • 1 c.s. de gergelim preto
  • 4 c.s. de vinagre de vinho tinto
  • 100 ml de azeite de oliva extra-virgem
  • 1 cebola roxa
  • 1 dente de alho
  • 10 folhas de manjericão
  • 50 g de queijo parmesão em lascas
  • sal e pimenta
Para fazer o vinagrete: em um pilão, amassar juntos sal, gergelim, alho e o manjericão, até formar uma pasta. Descascar e picar a cebola, juntar ao pilão e regar com o azeite e o vinagre. Reservar coberto na geladeira, até o momento de usar.

Lavar as batatinhas e a couve-flor, separar os raminhos e cozinhar no vapor, até que fiquem macios.

Servir a couve-flor dentro de um prato, ou saladeira, acompanhada de tomates cereja, lascas de parmesão e o vinagrete.

terça-feira, 30 de março de 2010

Bolinhos de Atum e Batatas

Uma receita rápida e deliciosa, e sem glúten!

Uma ótima sugestão para servir para aquelas crianças que não gostam muito de pescados, ou ainda, se falta tempo para comprar peixe fresco nessa Páscoa.

Ingredientes (16 bolinhos)
  • 4 batatas médias (descascadas e cortadas em pedaços)
  • 20 g de manteiga (em pedaços)
  • 1 ovo
  • 2 latas de atum (ou salmão)
  • 3 cebolinhas (picadas)
  • 1 colher de sopa de salsinha (picada)
  • 1/2 xíc. de oleo vegetal
Como Fazer

Cozinhe as batatas em água com sal, até ficarem macias. Escorra e coloque dentro de uma vasilha funda. Junte a manteiga e o ovo e amasse bem.

Drene o líquido das latas de atum. Adicione ao purê de batatas e tempere com sal e pimenta. Junte a cebolinha e a salsinha, misturando bem.

Forme bolinhos achatados com a massa e passe por farinha de rosca (de arroz, ou de rosca de polvilho).

Leve à geladeira por uns 15 minutos.

Aqueça ½ xícara de óleo numa frigideira, e frite os bolinhos, em fogo médio, até ficarem levemente dourados e bem cozidos.

Coloque sobre papel toalha, para absorver o excesso de gordura.

Sirva sobre folhas de alface, com gomos de limão.

Variedades de Farinhas Sem Glúten

Existe uma boa variedade de farinhas no Brasil, resultantes da moagem de grãos, como o milho, ou de raízes, como a mandioca.
A maioria das farinhas é supervisionada pelo Ministério da Saúde, com exceção da farinha de trigo, controlada pelo Min. Da Agricultura. As farinhas devem trazer no rótulo informações como nome do vegetal e origem, tabela nutricional, peso, ingredientes, validade, e se contém ou não glúten.

Algumas farinhas sem glúten e sua utilidade na culinária

Farinha de Arroz – A mais versátil e, portanto, a mais utilizada na culinária sem glúten. Usada no preparo de pães, massas, bolos, empanados, salgados, etc.


Farinhas de Milho – Fubá, Fina, Flocada...


de Fubá (milho amarelo moído) – Usada no preparo de bolos, broas, mingau, polenta, empanados.
  • Fubá Mimoso – finíssimo, ideal para bolos e polenta;
  • Fubá Comum – tem grau de refinamento médio e é usado para engrossar caldos e sopas;
  • de Milho Amarelo Flocada (sêmola de milho)– Recomendada para farofa, cuscuz, broas.
  • de Milho Branco – Bolos, cucas, polentas, ensopados, para engrossar caldos.

Farinha de Soja – Útil no preparo de pães (combinada com outras farinhas), bolos e tortas salgadas.

Farinhas de Frutos Secos – Castanhas, Amendoim, Amêndoas...
  • de Castanha de Caju – Para cobertura de sobremesas como sorvetes, docinhos; em tortas, pode substituir a farinha de trigo.
  • de Castanha-do-pará – Na decoração de bolos, na massa de tortas e docinhos (como o marzipã).
  • de Amendoim – Em bolos, tortas, docinhos, farofas.
  • de Amêndoas – Para massas de tortas, sobremesas, docinhos, bolos.

Farinha de Banana – No preparo de pães, bolos, cucas.

Farinha de Feijão-fradinho – No preparo do acarajé e do vatapá.

Farinhas de Mandioca – Moída, Biju...
  • de Mandioca Moída – Crua ou torrada, em moagem grossa ou fina, é base do pirão; pode acompanhar pratos como o feijão e o churrasco.
  • Biju – Textura apropriada para mingaus e farofas, ou consumida ao natural, com leite e frutas.
Farinha de Rosca – De arroz, ou de rosca de polvilho, é ótima para empanados e gratinados.

Farinha de Linhaça – a farinha das sementes do linho é usada para dar liga aos pães, bolos, panquecas, e como complemento alimentar, acompanhando cereais, iogurte, batidas de frutas, etc.

Complementando as farinhas, temos as féculas, como de batata, milho (amido), mandioca e arroz, que são muito úteis, principalmente na panificação.

sexta-feira, 26 de março de 2010

Dicas para Navegar no Fim de Semana

Receita: Tabule de Quinua - http://tinyurl.com/yksne7u

Receita de Páscoa: Drágeas de Castanhas - essa é super fácil, e é uma boa idéia para presentear os amigos na Páscoa. Separe uma quantidade desejada de castanhas-do-Pará, ou outra noz de sua preferência, derreta chocolate meio-amargo, ou ao leite, e banhe as nozes no chocolate. Deixe esfriar na geladeira, para secar. Se quiser dar um toque especial, adicione licor ao chocolate derretido. Receita de microondas aqui: http://bit.ly/9Jwf4y

Veja fotos belíssimas da natureza em: http://www.fotonatura.org/
Dica: na galeria [Técnicas] tem boas dicas de técnicas fotográficas.

Toda a programação da Rádio e Televisão Espanhola no site oficial:
http://www.rtve.es/mediateca/videos/
Recomendamos em especial a série “Aguila Roja” e os programas apresentados pelo jornalista Carlos Del Amor, como “Zoom Tendencias”.


Bom fim de semana!

quarta-feira, 24 de março de 2010

Ervas Aromáticas na Culinária

As ervas aromáticas, se bem combinadas com os ingredientes dos pratos, potencializam seu sabor.

Manjericão
Acompanha o tomate, tanto cru, como cozido, ou seu molho, saladas. Combina muito bem com o alho, limão, azeite de oliva, massas, berinjelas, batatas, com os feijões e com o arroz. 
Sugestão: Azeite aromático com manjericão; salada de tomates, mussarela de búfala e folhas de manjericão.

Tomilho
Realça o sabor de todo tipo de caldos. Também se utiliza em guisados e assados.


Orégano
Imprescindível nos molhos de tomate para elaborar guisados (carne moída), pizzas e pratos de massa. Além disso, no tempero de carnes grelhadas.

Alecrim
Ideal como tempero de carne moída e assados de carne e aves. Perfeito para temperar batatas e carne suína. Perfuma a feijoada. Ótimo com omeletes e ovos mexidos.


Estragão
Ótimo condimento para molhos como o tártaro. Utilize no tempero de assados de cordeiro e de aves, e na elaboração de vinagrete. Sugestão: pipoca com alho e estragão. Fica divino!

Coentro
Muito aromático. Perfeito para marinados, sopas, verduras, pescados e aves. Sugestão: bata meia xícara de folhas de coentro no liquidificador, com um pouco de água e junte ao preparo do arroz branco.

Sálvia
As folhas da sálvia, secas ou em pó, são muito usadas nas carnes assadas, recheios, e como substituto do louro nos cozidos.


Manjerona
Realça o sabor de sufês e omeletes. Tempera aves, peixes, massas e pizzas.

Endro ou Dill
Ideal no preparo de peixes assados, em molhos e defumados. Perfuma os legumes em seu cozimento. Indicado no preparo de molho branco.


Louro
Usado no preparo de molhos, como o de tomates, vinha-d’alhos, feijão e feijoada.

Hortelã
Usada como tempero, a hortelã enriquece queijos, carnes, legumes, peixes e várias sobremesas. Sugestão: suco de abacaxi e hortelã.


Cebolinha
Junto com a salsinha, forma o famoso cheiro-verde. Fresca e picada, pode ser usada em saladas, pratos com ovos, queijos e molhos e é indispensável na vinha-d’alhos. Sugestão: na sopa de missô.

Como é melhor consumi-las, frescas ou secas?
As ervas liberam todo seu aroma e sabor quando usadas frescas, mas se conservam por mais tempo secas. É interessante ter na cozinha alguns vasinhos com as ervas frescas de sua preferência (sugiro o manjericão, o alecrim e o tomilho). Ou então comprá-las quando for fazer algum prato especial, e ter sempre à mão uma boa variedade de ervas desidratadas.

Famosas combinações de ervas

Ervas finas (fines herbes) - é uma mistura de 4 ervas aromáticas: estragão, cerefólio, cebolinha e salsinha. Use para temperar omeletes e outros pratos à base de ovos.

Ervas da Provença (herbes de provence) – é uma mistura de 5 temperos: tomilho, basilicão, erva-doce, segurelha e flores de lavanda. Usada em assados, cozidos e molhos de carne.

Vinha-d’alhos – feita basicamente de vinagre, alho, cebola, louro, salsinha, cebolinha, sal e pimenta.


Dicas
  • Não exagere na quantidade de tempero. Primeiro prove o sabor e, aos poucos, vá colocando mais.
  • Acrescente o tempero ao prato quase no final do cozimento. Se cozinhar demais, ele perde o sabor e o aroma.
  • Conserve os temperos frescos na geladeira, dentro de um saco plástico.
  • Quando a receita pedir temperos frescos e você só tiver secos à mão, diminua um pouco a quantidade, pois, em geral, o sabor da erva fica mais apurado durante a secagem.

segunda-feira, 22 de março de 2010

Dicas de Culinária Light

Alimentos para cuidar da forma e da saúde

1 – Aperitivos: Aipo, tomates cereja, queijo fresco ou mussarela light, e ervas aromáticas (manjericão, orégano,etc.).


2 – Fondue de Caldo: Para um jantar leve entre amigos, prepare um fondue substituindo a fritura das carnes por cozimento em caldo fervente.


3 – Caldos sem gordura: Prepare o caldo - com antecedência - e deixe que esfrie na geladeira, para que a gordura se solidifique na superfície, e depois a retire com uma espátula.

4 – Papillotes: Prepare os peixes, as carnes e as aves em papillote. É uma técnica muito saudável, na qual os alimentos se cozinham em seus próprios sucos. É só envolvê-los em papel manteiga, fechar bem e levar ao forno.


5 – Cozinhar no Vapor: Esta técnica saudável de cozinhar conserva todos os nutrientes dos alimentos e não precisa de adição de gordura. Cozinhe no vapor utilizando cestos de bambu, peneiras ou panelas especiais.

6 - Coquetéis Sem Álcool: para evitar as calorias do álcool, faça coquetéis de frutas, ou por exemplo, misture rodelas de pepino, limão, soda light e gelo.


7 - Infusões: após a refeição, saboreie uma infusão digestiva, como maçã, melissa, camomila, erva-cidreira, jasmim, etc.

Salada de Bacalhau e Batatas

Pratos Especiais de Páscoa
Essa Salada é um prato bonito para servir na Sexta-feira Santa.

Ingredientes
- 400 g filé de bacalhau salgado
- 200 ml de azeite de oliva
- 1 folha de louro
- 3 grãos de pimenta-do-reino
- 5 batatas grandes
- 4 ovos
- 3 dentes de alho
- 1 gema de ovo
- 200 ml de azeite de oliva
- 2 c.s. de suco de limão
- 100 g folhas verdes
- sal e pimenta
- azeitonas pretas

Como Fazer

Dessalgar o bacalhau.

Aquecer uma frigideira com o azeite, 1 dente de alho, o louro e a pimenta em grãos.
Cortar o bacalhau em lâminas finas e levar à panela, incorporando ao azeite.
Retirar do fogo, tampar e reservar.

Cozinhar as batatas em água e sal até ficarem macias, escorrer, descascar e reservar.
Cozinhar os ovos por 10 minutos, escorrer, descascar e reservar.

Descascar os alhos e retirar o germe, esmagar, misturar bem com a gema de ovo. Adicionar o azeite em fio, até que o molho emulsione, temperar com sal e pimenta e juntar o suco de limão.

Montar o prato da salada com as batatas, os ovos, o bacalhau escorrido, folhas de alface e o molho ‘alioli’.
Enfeitar com azeitonas pretas.

Conserva de Tomates Cereja

Ingredientes

- 500 g tomates cereja
- 2 dentes de alho
- 1 raminho de orégano fresco
- 3 grãos de pimenta-do-reino
- 1 pitada de açúcar
- sal
- azeite de oliva extra-virgem

Como Fazer

Lave bem os tomates.

Em uma panela, ferva água e escalde os tomates por alguns segundos.

Leve a um escorredor e passe os tomates por água fria.

Esterilize um vidro de conserva.

Coloque dentro os tomates, o alho, o orégano, a pimenta, o açúcar e o sal.

Encha o vidro com o azeite de oliva até cobrir os tomates, e feche hermeticamente.

Reserve por 24 horas para que o aroma dos temperos penetre nos tomatinhos.

Sirva em saladas, guarnições ou como aperitivo.

quarta-feira, 17 de março de 2010

Pudim de Ricota

Essa sobremesa é suave e muito rápida de fazer!
Você pode substituir o acompanhamento da manga por outra fruta como maracujá, ou frutas vermelhas frescas.

Ingredientes
  • 750 g de ricota fresca
  • 2 ovos grandes
  • 2 colheres (sopa) de mel
  • 1 colher (chá) de canela em pó
  • 1 manga

Como Fazer

Pré-aqueça o forno a 180oC.

Em uma tigela funda, bata a ricota, os ovos, o mel e a canela.

Coloque a mistura numa fôrma antiaderente (25cm x 10cm), cubra com papel alumínio, e coloque dentro de outra fôrma, em banho-maria.

Asse por 45-60 minutos, até a ricota ficar firme.

Deixe esfriar bem antes de desenformar.

Sirva em fatias, acompanhado de manga ou outra fruta de sua preferência.

segunda-feira, 15 de março de 2010

Laticínios - O Leite

A importância do leite e seus derivados na culinária
1 - O LEITE
 O leite pode ser considerado com o mais rico de todos os alimentos, por reunir a maior quantidade de nutrientes. O leite de vaca é o mais consumido, mas leites como o de cabra, de ovelha e búfala, por exemplo, também são muito saudáveis.

O leite integral retirado da vaca é submetido a processos industriais – como a pasteurização - que visam a uma maior conservação do produto.

Além do leite integral e puro, existem vários tipos de leite industrializado: leite desnatado, leite em pó integral ou desnatado, leite evaporado, leite condensado.

A lista de nutrientes do leite é grande: proteínas, gorduras, carboidratos, enxofre, fósforo, cálcio, cobre, manganês, iodo, cloro, sódio, potássio, magnésio, ferro, zinco, vitaminas A e C e do complexo B.

Meio litro de leite contém a mesma proporção de proteínas que 100 gramas de carne.

As necessidades diárias do leite variam de acordo com a idade. Crianças e lactantes devem consumir mais leite, e adultos e idosos podem diminuir seu consumo, principalmente por fatores associados à sua digestão.


Conservação do produto

Primeiro, tenha cuidado de observar a data de validade do produto.

Se o leite é fresco, deve estar bem refrigerado no mercado; ferva em fogo baixo e conserve na geladeira.

A embalagem do leite longa vida não deve estar amassada ou suja. Antes de abrir, não precisa guardar na geladeira, mas após abrir, consuma em até 48 horas.

A lata do leite em pó não pode estar amassada nem enferrujada, e deve ser guardada em local seco.

Dicas

Se o leite talhou, aproveite-o no preparo de doce de leite, bolo de fubá ou creme de maisena.

Coloque um pires virado com a boca para baixo no fundo da leiteira, para o leite não transbordar quando ferver.

Suflê de Queijo Gruyère

Ingredientes
  • 2 colheres de sopa de margarina culinária
  • 2 colheres de sopa de farinha de arroz
  • ½ litro de leite quente
  • 4 ovos
  • 200 g de queijo gruyère ralado
  • sal, pimenta-do-reino e noz moscada
Como Fazer

Unte com margarina uma fôrma para suflê.
Separe as claras das gemas. Bata as claras em neve firme. Reserve.
Para o molho bechamel: Em uma panela funda, derreta a margarina e, em fogo baixo, junte a farinha, mexendo bem, até ficar dourada. Adicione aos poucos o leite quente, mexendo sem parar, com uma colher de pau ou espátula de silicone, para não formar grumos. Tempere com ½ c.c. de sal, pimenta a gosto, e 1 pitada de noz moscada. Adicione as gemas aos poucos e, por fim, o queijo. Tire do fogo e junte as claras em neve, misturando delicadamente com a espátula.


Derrame dentro da vasilha untada e leve ao forno pré-aquecido (200º C) por cerca de 40 min.

sexta-feira, 12 de março de 2010

Links para se divertir no fim de semana

... Clique Aqui!

Sabe como se faz o doce de leite? http://bit.ly/cEUH5F

Livros sobre culinária com download no site do Projeto Gutenberg: http://bit.ly/cREOvG

Visite o blog de Marcelo Katsuki, da Folha, com ótimas dicas de restaurantes, culinária, etc.: http://marcelokatsuki.folha.blog.uol.com.br/

Responda o famoso Questionário de Proust, e compare com as respostas dos famosos, entrevistados pela revista Vanity Fair: http://bit.ly/DKzRo

Bom fim de semana!

Peras Assadas com Gorgonzola, Prosciutto e Nozes

Uma salada delicada e elaborada, para ser servida como entrada ou como almoço leve.
Combina peras com um queijo gorgonzola cremoso, nozes torradas com mel, o presunto cru de Parma e a rúcula apimentada. Se não tiver tempo de assar a pera, sirva fatias frescas.

Ingredientes
  • 4 peras pequenas
  • 2 colheres de sopa de azeite de nozes
  • Pimenta-do-reino em grãos
  • 8 raminhos de tomilho fresco
  • 150 g de nozes (sem casca)
  • 1 colher de sopa de mel; 1 c.c. extra
  • 1 pitada de sal
  • 100 ml de azeite de oliva
  • 2 c.c. de mostarda em grãos
  • 2 c.c. de mostarda dijon
  • 20 ml de vinagre de vinho tinto
  • 100 g de folhas de rúcula
  • 8 fatias de prosciutto (presunto de Parma)
  • 200 g de queijo gorgonzola cremoso (ou Roquefort)
Como Fazer

Pré-aqueça o forno a 180ºC.

Corte as peras ao meio e tire o miolo. Coloque dentro de uma fôrma com a parte interna voltada para cima, regue com o azeite de nozes, tempere com pimenta e espalhe o tomilho por cima.

Em outra fôrma, espalhe as nozes, regue com uma colher de sopa de mel e tempere com sal. Misture bem e espalhe dentro da fôrma.

Cozinhe ambos os pratos por 20 minutos, até as peras ficarem macias.

Tire do forno e deixe amornar.

Para o tempero da salada, bata o azeite de oliva com a mostarda, 1 c.c. de mel, o vinagre, sal e pimenta.

Tempere a rúcula com um pouco desse molho, e divida em 4 pratos individuais. Decore cada prato com as nozes, 2 fatias de presunto, cubra com duas metades das peras, e adicione o queijo gorgonzola. Regue com o restante do molho e sirva.

quarta-feira, 10 de março de 2010

Técnicas de Culinária: Sobremesas

Alguns conselhos para que suas sobremesas sejam irresistíveis.

Se há pressa para fazer um pudim ou flan, cozinhe em forminhas individuais. O tempo de cocção se reduz em um quarto.



O merengue é muito útil na decoração de bolos e tortas, e é fácil de fazer. O segredo é bater as claras em neve bem firme. E pode servir de cobertura para uma sobremesa que não tenha ficado com uma aparência muito bonita.


O creme chantilly rende mais e não fica tão pesado quando se acrescenta uma clara de ovo ao creme de leite.

Uma compota de maçã fica mais saborosa se adicionar pau-de-canela e casca de limão. Já as maçãs assadas ficam ótimas se levadas ao forno sem o miolo e recheadas de açúcar, em uma fôrma com um cálice de vinho branco.

Se os limões a serem usados numa sobremesa estiverem secos ou duros, antes de espremê-los coloque-os em água fervente e deixe-os esfriar.

Ao preparar um creme de chocolate, para realçar seu aroma, dissolva-o em um pouco de café. Ou adicione uma pitada de sal. Na falta de chocolate em pó, use cacau em pó misturado com manteiga.



Se o chocolate estiver gelado, fica mais fácil de ralar.

O açúcar a ser usado no preparo de sobremesas pode ser perfumado com raspas de limão ou de laranja.

Para quem está de dieta, substituir o açúcar por adoçante, e o leite integral pelo desnatado.

terça-feira, 9 de março de 2010

Como Preparar Pratos Com Peixe

Técnicas Culinárias: Peixe
O peixe é um alimento muito nutritivo, rico em proteínas, sais minerais e vitaminas, e com pouca gordura, se comparado à carne vermelha.

Qual a quantidade a servir?
Calcule 150 g por pessoa, para um filé de peixe (sem espinhos e pele).
Se for um peixe inteiro, com cabeça e espinhos, cru, pese entre 200 e 250 g.

Como preparar?

Se fizer cozido, faça um caldo com água, restos do peixe (pele, espinha, etc.), cebola, salsa, cenoura, louro, limão, pimenta e um pouco de vinho branco. Esse caldo deve ferver por 30 minutos antes de ser usado.

Para reduzir o sabor intenso de peixes como o salmão, regue com suco de limão.

salmão grelhado com ervas

Para fazer render o peixe se a quantidade disponível for pouca, basta empaná-los.

Para dar mais sabor ao atum cru, salgue-o com sal grosso e o envolva em filme plástico. Leve-o à geladeira por 24 horas e depois lave em água fria para eliminar o sal. Prepare como desejar.

O linguado, por ser pobre em calorias, é muito indicado em dietas com pouca gordura e dietas de emagrecimento. Outros peixes “magros” são o robalo e a merluza.

Ao dessalgar o bacalhau, deixe-o de molho por 24 horas, se for uma peça única, ou por 12 horas, se estiver fileteado. O melhor é cortar em postas e colocá-lo num coador, e esse, por sua vez, dentro de uma panela grande com água, para que os pedaços não fiquem no fundo dessa, aonde vai se depositar o sal.

sexta-feira, 5 de março de 2010

Cuca de Uva Preta

Aproveite a colheita da uva para fazer essa cuca deliciosa!

Ingredientes
  • 1 tablete de margarina culinária
  • 4 ovos
  • 1 xíc. de açúcar
  • 200 ml de leite frio
  • 2 xíc. de farinha de arroz
  • ½ xíc. de farinha de milho fina
  • 1 colher de sopa de farinha de linhaça
  • 1 colher de sopa de fermento químico
  • 1 pitada de sal
  • 500 g de uva preta
  • ½ xíc. de açúcar
Utensílios: batedeira elétrica, espátula, fôrma retangular.

Como Fazer

Lave bem a uva e coloque os grãos inteiros dentro de uma panela com a ½ xíc. de açúcar refinado. Leve ao fogo baixo por alguns minutos, só até o açúcar se incorporar à uva. Reserve.

Pré-aqueça o forno a 180oC. Unte e polvilhe a fôrma.

Na vasilha da batedeira, coloque a margarina (temp. ambiente) e o açúcar e bata até formar um creme esbranquiçado. Sem parar de bater, junte os ovos, depois o leite e o sal. Pare de bater e adicione os ingredientes secos, peneirados. Misture bem com a espátula.

Derrame metade da massa na fôrma. Espalhe a uva delicadamente sobre a massa e cubra com o restante dessa.

Leve ao forno por cerca de 40 min.

Obs.: se você gosta de uma cuca mais light, e a uva estiver bem doce, pode rechear a cuca com a fruta em natura, sem o açúcar. Eu fiz assim, e ficou excelente.

Como Economizar Água e Ajudar o Planeta

Siga essas sugestões e economize muitos litros de água a cada ano.

Desligue a torneira enquanto escova os dentes

Por que vale o esforço: escovar os dentes parece uma atividade rápida, mas antes de perceber, 4 litros de água se foram pelo ralo.

Em um ano: 10.902 litros de água economizados.

Leve sua água com você

Por que vale o esforço: Comprar diariamente uma garrafa de água pode aliviar sua sede, mas resseca o planeta. Cada garrafa plástica de 1 litro gasta 7 litros de água para ser produzida. Enchendo sua própria garrafa, a água vai para onde deve – seu corpo.

Em um ano: 2.184 litros de água economizados.


Compre produtos feitos com papel reciclado

Por que vale o esforço: Produtos feitos com 100% de papel reciclado precisam de muito menos água em sua fabricação que aqueles feitos de papel virgem. Use toalhas de papel reciclado.

Em um ano: 2411 litros de água economizados.
continue lendo...

quinta-feira, 4 de março de 2010

Salada de Batatas Assadas

Tipo: prato principal; serve 4 pessoas.

Ingredientes
  • 750 g de batatas
  • 1 ramo de alecrim
  • 1 molho de alface ou escarola
  • 200 g de atum em lata
  • 12 azeitonas pretas
  • azeite de oliva
  • sal
Utensílios: fôrma, papel alumínio, prato redondo.

Como Fazer
Embrulhe as batatas, com o alecrim, em papel alumínio e leve ao forno a 200o C, por 1 hora.
Descasque e corte em fatias.
Disponha as fatias num prato, formando um círculo, e no centro coloque a escarola cortada bem fina.
Sobre a escarola coloque o atum.
Fatie as azeitonas e disponha sobre as batatas.
Tempere com um fio de azeite e um pouco de sal.

Trufas de Chocolate

A Páscoa está chegando, e uma boa idéia para presentear os amigos é fazer trufas, e depois escolher uma bela embalagem personalizada. Mãos à obra, pois é bem fácil de fazer! Procure chocolates sem glúten (e/ou sem lactose, se for o caso), já disponíveis nos grandes mercados.


Trufas de Chocolate Branco

Ingredientes

- 300 g de cobertura de chocolate branco
- 100 g de nata
- 1 colher (sopa) de licor de cerejas

Como Fazer

Dissolva em banho-maria, em fogo bem baixo, o chocolate com a nata, mexendo sem parar com uma colher de madeira.

Retire do fogo e adicione o licor de cerejas.

Continue mexendo, até esfriar.

Leve à geladeira e, quando estiver bem frio, moldando os bombons com as mãos.

Trufas de Chocolate Preto

Ingredientes

- 250 g de cobertura de chocolate ao leite, ou meio-amargo
- 50 g de manteiga
- 25 g de nata
- 1 colher (sopa) de rum (ou outro licor, como laranja, brandy)

Como Fazer

Dissolva a cobertura em banho-maria, em fogo bem baixo.

Tire do fogo e misture a manteiga.

Deixe esfriar e incorpore a nata, previamente levemente batida.

Junte, com cuidado, o rum e misture bem.

Leve a massa de trufas à geladeira, e depois faça bombons e os envolva em chocolate em pó ou amêndoas picadas.

terça-feira, 2 de março de 2010

Bolo Rápido de Maçã

A maçã é uma grande fonte de vitamina C, e tem um alto conteúdo de fibra, o que ajuda no controle dos níveis de colesterol. Tem cerca de 55 calorias (por 100 g), o que a torna um ótimo alimento para ser incluído na dieta.

Bolo Rápido de Maçã

Ingredientes
- 3 maçãs grandes
- 3 ovos
- 1 ½ xíc. de açúcar mascavo
- 1 pitada de sal
- ½ xíc. de óleo de canola
- 1 xíc. de farinha de arroz
- ½ xíc. de maisena
- 1 c.s. de fermento químico
- 2 a 3 c.s. de leite
- Raspas de limão (opcional)
- Margarina para untar
Utensílhos: forma retangular, espátula, vasilha grande.

Como fazer
Pré-aqueça o forno a 180oC. Unte uma fôrma.
Descasque as maçãs, tire o miolo e corte em fatias grossas. Borrife suco de limão e ½ xíc. de açúcar mascavo sobre as fatias. Reserve.
Na vasilha, bata levemente os ovos, junte 1 xíc. de açúcar mascavo e o sal e bata bem.
Adicione o óleo e volte a bater, até misturar bem.
Junte os ingredientes secos peneirados, e a raspa de limão, misturando muito bem.
Adicione 2 colheres de sopa de leite desnatado (ou mais se necessário).
Leve a massa à fôrma e cubra delicadamente com as fatias de maçã.
Leve ao forno por cerca de 40 min.
Sugestão: substitua uma das maçãs por 1 pera.

segunda-feira, 1 de março de 2010

Como prevenir-se das rugas e manter a pele lisa e saudável

Uma das maiores preocupações estéticas de todo mundo são as rugas, mas às vezes parece que esquecemos que elas são conseqüência do modo como tratamos nossa pele ao longo do tempo.
Para ter uma pele lisinha e com aparência jovem, procure seguir esses conselhos dos profissionais da medicina, e que são válidos para qualquer idade:
  • Proteção contra a radiação ultravioleta (UV): sol demais acelera o processo de envelhecimento cutâneo e o aparecimento das rugas. Use sempre cremes com filtro solar no rosto. E se for ficar muito tempo ao sol, use também óculos de sol e chapéu ou boné.
  • Evite o bronzeamento artificial: para um tom de pele dourado, dê preferência aos autobronzeadores – o resultado é excelente, sem correr o risco de desenvolver um câncer de pele.
  • Pare de fumar! Esse hábito tão nocivo, não só afeta seu coração e pulmões, como as toxinas presentes na fumaça do cigarro causam danos à pele. Vários estudos mostraram que a pele dos fumantes apresenta rugas mais cedo, além de se tornarem mais propensos ao câncer de pele.
  • Evite a mudança rápida de peso: apesar das dietas rápidas estarem na moda, as pessoas que tem uma alteração muito rápida no peso, estão encolhendo e esticando sua pele. À medida que envelhecemos, nossa pele perde a elasticidade e não pode recuperar sua tonicidade e vitalidade, depois de cada nova alteração.
  • Beba água: ao menos 2 litros ao dia, especialmente fora das refeições. É vital para manter o corpo e a pele hidratados. Além disso, beber bastante água promove a eliminação das toxinas indesejáveis. Com pouca água, nossa pele desidrata, com um efeito parecido ao de uma uva quando vira uva-passa!
  • Coma bem: uma alimentação rica e equilibrada é boa para todo o organismo. Basicamente, carboidratos pela manhã e ao meio-dia (são fonte de energia), e proteínas à noite, para reconstruir as células e os órgãos, incluindo a pele, que se desgasta durante o dia.
  • Use lentes de contato, se precisar, e não se esqueça dos óculos de sol. Assim, evitam-se certas expressões faciais compensatórias ou protetoras, principalmente em volta dos olhos, que causam as rugas. A pele ao redor dos olhos é extremamente fina e frágil, e é aqui precisamente onde aparecem as primeiras rugas faciais, como conseqüência das contrações musculares repetitivas. E os óculos de sol protegem as regiões perioculares da radiação ultravioleta.
  • Durma de costas: se não é seu costume, ao menos faça uma tentativa; ao dormir de lado é normal acordar com linhas e marcas sobre a pele. Como o tempo, pelo traumatismo contínuo, essas linhas podem se tornar permanentes.
  • Evite o estresse: é certo que esse conselho é mais difícil de seguir, mas todos sabem que o estresse causa um grande número de problemas à pele. É muito comum as pessoas franzirem o cenho, apertarem a mandíbula e fazerem caretas sem se darem conta. Esforce-se conscientemente em relaxar os músculos faciais.
  • Utilize os dermo-cosméticos adequados, recomendados pelos profissionais: a pele necessita de limpeza, hidratação, nutrição e proteção. Mas preste atenção na qualidade e na forma certa de usar os produtos cosméticos.
continue lendo...

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails