terça-feira, 30 de abril de 2013

Sopa de Galinha e Milho



Com este clima instável de outono, as gripes e resfriados já batem a porta... E nada melhor que um caldo de galinha, com seu poder antibiótico, para restaurar a saúde e animar o espírito.

Ingredientes

- 50 g de manteiga (ou margarina)
- 1 alho-poró, lavado e fatiado
- 1 litro de caldo de galinha
- 3 espigas de milho
- 2 filés de peito de frango (500g)
- sal e pimenta
- cebola frita para decorar
- 1 pimenta vermelha, fatiada (opcional)
- folhas de coentro

Como Fazer

Retire os grãos de milho das espigas.

Em uma panela grande, derreta a manteiga.

Junte o alho-poró e refogue até ficar macio.

Adicione o caldo e deixe ferver.

Junte a carne de frango e os grãos de milho.

Cozinhe em fogo baixo, de 5 a 10 minutos.

Retire o frango cozido.

No processador, ou liquidificador, bata a sopa até virar um purê, deixando alguns pedaços grossos, para dar textura.

Desfie a carne com as mãos e volte à panela com a sopa.

Volte a esquentar a sopa.

Sirva nos pratos de sopa individuais, decore com cebola frita, pimenta vermelha e coentro.

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Bolo Inglês de Limão


Saído do forno nesta tarde chuvosa de segunda-feira, este suculento bolo de limão... Uma receita fácil para cozinheiros principiantes; veja como fazer, e mão na massa!

Ingredientes

- 3 colheres (sopa) de leite
- 3 ovos grandes
- 1 1/2 colher (chá) de extrato de baunilha
- 1 xíc. de farinha de arroz
- 1/2 xíc. de amido de milho
- 3/4 xíc. de açúcar
- 1 colher (chá) de fermento químico
- 1/4 colher (chá) de sal
- 1 colher (sopa) de raspas de limão
- 200 g de manteiga sem sal (ou margarina) amolecida

Para a calda de limão
- 1/4 xíc. de açúcar + 2 colheres (sopa)
- 1/4 xíc. de suco de limão

Como Fazer

Aqueça o forno a 180° C.
Unte e polvilhe uma fôrma de bolo inglês.

Em uma vasilha pequena, misture os ovos, o leite e o extrato de baunilha.

Em uma vasilha grande junte a farinha e o açúcar peneirados, o fermento, o sal e a raspa de limão.

Na batedeira, velocidade baixa, bata os ingredientes para misturar bem.
Junte a manteiga derretida e metade da mistura de ovos e bata, aumentando gradualmente a velocidade (uns 2 minutos).
Adcione em duas vezes o resto da mistura de ovos, batendo 30 segundos a cada adição.

Passe a massa para a fôrma untada.
Leve ao forno por 40 minutos, ou até que o palito saia limpo.

Quase ao final do cozimento do bolo prepare a calda de limão.
Em uma panela pequena, em fogo médio, misture o açúcar e o suco de limão, mexendo até que o açúcar se dissolva completamente.

Retire o bolo do forno e, ainda na fôrma, faça vários furinhos na superfície com um palito.
Pincele o bolo com metade da calda; deixe esfriar na fôrma por 10 minutos.

Desenforme o bolo, faça furinhos na parte de baixo do bolo e pincele com o restante da calda, incluindo as laterais do bolo. Deixe esfriar e sirva.

domingo, 28 de abril de 2013

Curry de Lentilhas e Batata Doce



A quantidade de curry na receita vai depender de seu gosto pessoal, especialmente ao usar o curry tailandês em pasta, que é bem mais ardido. Se ficar na dúvida, é melhor colocar aos poucos e ir experimentando, até encontrar o que agrade mais ao seu paladar.

Ingredientes

- 100 ml de azeite de oliva
- 2 cebolas
- 4 dentes de alho
- 1 colher (sopa) de gengibre fresco, ralado
 - sal
- pimenta-do-reino branca, moída na hora
- 1/2 colher (sopa) de curry em pasta (ou em pó)
- 6 sementes de cardamomo
- 1 berinjela pequena
- 1 xíc. de lentilhas
- 1 batata doce pequena
- 1 litro de água
- 1 cabeça de brócolis
- 1 xíc. de espinafre baby
- ½ xíc. de folhas de coentro

Como Fazer

Descasque a berinjela, corte em cubinhos, tempere com sal e deixe descansar por 30 minutos. Lave e escorra.

Descasque a batata doce e corte em cubinhos.

Separe o brócolis em pequenos buquês.

Descasque e corte a cebola e o alho em fatias finas.

Em uma panela, aqueça o azeite e refogue bem a cebola, o alho e o gengibre.

Junte os temperos e cozinhe por 2 minutos.

Adicione a berinjela e cozinhe por mais 5 minutos.

Junte a lentilha (previamente enxaguada), a batata doce e água, deixando em fogo médio-baixo, até completar o cozimento – uns 20 minutos.

Junte o brócolis e o espinafre, cozinhando por 5 minutos.

Sirva com coentro, iogurte natural e um chutney de sua preferência. Experimente servir o cardamomo em separado – ao invés de cozido junto aos demais temperos - o sabor e perfume ficam mais acentuados.

Dica: se fizer uma quantidade grande, separe em porções e congele (deixando de fora o brócolis e o espinafre, para acrescentar na hora de esquentar o prato).

sexta-feira, 26 de abril de 2013

Alimentos Ricos em Cobre Previnem Dor nas Articulações


 
Muitas vezes a dor nas articulações nos membros é resultante de um mau estado da cartilagem. Acontece que sua função mais básica, que é a de amortecer o impacto sofrido pelas articulações no corpo, ao esfregar-se umas contra as outras, é essencial. Um desgaste que é especialmente acentuado devido a fatores como o sobrepeso, a idade avançada, ou a prática habitual de exercício físico.


Por isso é tão importante cuidar do tecido cartilaginoso do organismo. Neste sentido, está provado que o cobre é um oligoelemento que ajuda a regenerar tal tecido, e, sendo assim, é importante não se esquecer de escolher alimentos ricos nesta substância, ao fazer as compras. Os especialistas recomendam um consumo diário de 1 mg de cobre para adultos e 1,3 mg para mulheres grávidas ou lactantes.

Mas, como exemplo prático, em que produtos podemos encontrar este elemento?

Na verdade, o cobre se encontra em uma longa lista de alimentos básicos, embora o conteúdo exato em cada um deles vai depender das condições em que foram cultivados, elaborados, processados, etc.


De modo geral, as maiores fontes de cobre são os crustáceos (especialmente a ostra e o caranguejo), o fígado, os cereais, as nozes, os legumes e o chocolate amargo.


Além disso, também se pode encontrar o cobre nas batatas, ervilhas, carne vermelha, cogumelos e em algumas frutas, como o coco, a papaia, a uva e a maçã.

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Pipocas Carameladas


Que tal aprender a fazer pipocas carameladas, para acompanhar uma sessão de cinema em casa?

Ingredientes

- 2 colheres (sopa) de óleo vegetal
- 100 g de milho de pipoca
- 100 g de manteiga
- 150 g de açúcar mascavo
- 3 colheres (sopa) de mel
- ½ colher (chá) de açafrão (cúrcuma)
- 1 colher (chá) de cominho em pó
- 1 colher (chá) de canela em pó
- 1 colher (chá) de gengibre em pó
- ½ colher (chá) de sal
- ½ colher (chá) de bicarbonato de sódio

Como Fazer

Forre uma fôrma com papel manteiga.

Em uma panela grande, tampada, em fogo médio, aqueça o óleo com 3 grãos de milho de pipoca.

Quando os grãos estourarem, junte o resto do milho, tampe, deixando estourar os grãos, uns 3 minutos, sacudindo vigorosamente a panela a cada 30 segundos. Tire do fogo e mantenha a pipoca aquecida.

Em uma panela de fundo grosso, derreta a manteiga, açúcar, mel, especiarias e sal; deixe levantar fervura, mexendo. Deixe cozinhar por 8 minutos, sem mexer, até o caramelo ficar marrom dourado – o ponto é quando ele cobre as costas de uma colher (140º C no termômetro de açúcar). Acrescente o bicarbonato e derrame o caramelo sobre a pipoca, misturando com uma colher de pau (tome cuidado para não se queimar com o caramelo).

Se quiser guardar para comer mais tarde, passe a pipoca caramelada para a fôrma forrada para esfriar, quebre em pedaços e armazene em pote bem fechado. Rende 5 xícaras.

terça-feira, 23 de abril de 2013

Leia em Voz Alta Para Seus Filhos


 Comemorando o Dia Mundial do Livro, algumas dicas para incentivar a leitura nas crianças, desde a mais tenra idade...
A leitura compartilhada é um hábito que desaparece quando as crianças começam a ler sozinhas.

Ler em casa favorece o desenvolvimento da leitura na criança, tornando-a uma atividade normal e criando um ambiente que faz com que os pequenos procurem os livros de forma voluntária.

Uma campanha internacional muito interessante é a “Reading aloud, reading together” (lendo em voz alta, lendo juntos), um projeto pensado para estimular a leitura em voz alta e acompanhado. A oralidade tem um papel fundamental na literatura infantil, já que permite criar momentos de grande valor emocional entre pais e filhos. O problema nasce quando deixamos de compartilhar estas experiências com as crianças, uma vez que elas comecem a ler por conta própria.
E é exatamente neste aspecto que incide esta campanha de incentivo da leitura em família: segundo os especialistas, ler com as crianças estreita laços, estimula a empatia e forma parte da base de sua aprendizagem, ampliando sua visão do mundo e lhes dando ferramentas para lidar com ele, como o desenvolvimento da capacidade crítica.

Ampliar as capacidades linguísticas é, de fato, um dos principais benefícios da leitura em voz alta: ajuda as crianças a distinguir as letras, aumenta sua consciência fonológica e lhes ajuda a ampliar seu vocabulário. Para que essa tarefa seja mais fácil para os pais, uma sugestão é procurar especialistas na área como professores de português e literatura, bibliotecários, ou até mesmo consultar sites especializados em literatura infantil, para procurar dicas e sugestões de títulos de livros infantis. Uma boa dica é contar contos infantis para seus filhos.


Como contar contos infantis para seus filhos
Anote estes conselhos e introduza seu filho em um mundo de fantasia e aprendizado.

Um conto é um relato curto repleto de fantasia, e que deve ser contado de uma só vez. Ler para uma criança um conto a cada noite é muito produtivo para o desenvolvimento criativo da criança. Graças a esta dinâmica, a criança acabará gostando da hora de ir para a cama, irá relaxar e dormirá rapidamente.

Na hora de decidir que conto contar deve-se levar em conta alguns aspectos. Em primeiro lugar levar em conta a estação do ano ou o clima no qual nos encontramos. Também é muito importante que, se queremos contar um conto, primeiro temos de acreditar na estória que vamos contar, nos valores que transmite, pois do contrário não saberemos transmiti-los. Segundo psicólogos, um conto pode chegar a influenciar na personalidade de quem crê nele, ou de quem aprende algo com ele.

A melhor forma de contar contos é com amor, quer dizer, com interesse verdadeiro, com vontade de compartilhar o tempo, transmitindo esta estória, procurando  convertê-la numa influência positiva para quem escuta. Dê preferência aos contos com um aprendizado rico em valores humanos e com um final construtivo. Não devemos assumir a tarefa de contar o conto como uma obrigação. É importante considerar o estado de ânimo em que nos encontramos.

Outro fator a considerar é a escolha do espaço físico correto. Não realize a atividade no sofá, por exemplo, pois se a criança se acostumar, só vai querer que seus pais contem estórias ali. O lugar ideal é a sua cama, onde relaxará e acabará dormindo.
Por outro lado, antes de comprar o conto, temos que escolhê-lo de acordo com a idade da criança. Na capa do livro normalmente está indicada a idade recomendada.

Para contar bem um conto é muito importante que nos centremos em uma ideia única. Os contos devem ter uma estrutura lineal, com começo e fim. Deste modo, captaremos a atenção dos pequenos, que assim assimilarão mais rápido o esquema narrativo da estória contada e, por fim, a moral que esta leva implícita.

O tom de voz desempenha um papel importantíssimo na hora de contar contos. O conto deve manter sempre a tensão (não pode haver uma diminuição no tom). Devemos tentar ser doces e agradar a criança. Se contarmos o conto com um tom de voz alto ou estridente, é provável que o seu filho acabe perdendo o interesse.

Em alguns casos vale usar a gesticulação corporal para relatar a estória. Com este tipo de contos, o que pretendemos é que a criança saiba fazer um reconhecimento segmentado de seu corpo através de uma dinâmica que potencialize o aprendizado pela descoberta. Isso tudo sem tornar óbvio em nenhum instante o aspecto lúdico da atividade.

Existem muitos tipos de contos a escolher: o conto tradicional, o cooperativo, o conto canção, o conto jogo, o conto mágico, aquele que é rico em valores, entre outros.
Por que é importante incentivar a leitura nas crianças?

O ócio criativo estimula sua imaginação, enriquece o vocabulário e amplia a capacidade de concentração.
Pegar um livro e sentar-se para ler. Um gesto simples e divertido, que, misteriosamente, cada vez mais perde espaço entre os jovens em casa, frente ao turbilhão virtual de videogames, Internet ou filmes em dvd. A leitura, seja de um clássico dos irmãos Grimm, ou do mágico mundo de Harry Potter, é uma porta para a fantasia, com infinitas vantagens para as crianças. Entretanto, se o hábito de ler não é estimulado desde bebê, as crianças costumam ter seu primeiro contato com a leitura na escola, e é a partir desse momento que os livros passam de uma diversão a uma mera atividade escolar.

Por este motivo, é tarefa fundamental para os pais potencializar a leitura nas crianças. O objetivo: que eles encontrem nos livros uma alternativa de ócio a ser buscada por iniciativa própria. As vantagens são infinitas: enriquecer o vocabulário com palavras mais complexas das que costumamos utilizar com eles em uma conversação habitual, até ajudá-los a ir conhecendo intuitivamente as regras na construção de frases e corrigir os erros de ortografia. Ao despertar sua imaginação, ou potencializar o nível de concentração, a leitura fornece inumeráveis benefícios ao crescimento e desenvolvimento pessoal, difíceis de encontrar nos videogames educativos.

O hábito da leitura é tão natural como aprender a escovar os dentes antes de ir para a cama. Basta reservar uns minutos de cada dia aos livros, para que a criança se acostume por si mesma a introduzir pequenas sessões de leitura diárias em sua rotina que, pouco a pouco, irão tornando-se mais e mais longas, à medida que se deixe levar pelos universos escondidos nos livros. Assim, o reforço da leitura deve começar desde o berço, começando pelos livros clássicos ilustrados feitos de tecido, que estimulam suas experiências sensoriais através de formas, cores e texturas, e seguindo com as coleções de livros específicos destinados as distintas faixas de idade.


Sempre é bom começar pelos clássicos – quando criança, por exemplo, eu adorava Monteiro Lobato, Irmãos Grimm, as Fábulas de Esopo, Julio Verne, entre tantos outros – e seguir com a literatura infantil atual, rica em todos os gêneros e formatos. Boa leitura!

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Crepes Com Nozes e Cobertura de Chocolate



Ingredientes

Crepes
- 6 ovos
- 1 colher (sopa) de maisena
- óleo de canola

Recheio
- 125 g de nozes (ou castanhas)
- 60 g de uva-passa
- 60 g de açúcar
- raspas de ½ limão
- 4 colheres (sopa) de rum

Calda de chocolate
- 3 colheres (sopa) de chocolate em pó
- 3 colheres (sopa) de açúcar
- 3 gemas de ovos
- 200 ml de leite
- 100 ml de nata
- 125 g de chocolate meio-amargo, picado
- 4 colheres (sopa) de rum

Como Fazer

Crepes:
Junte os ovos, a maisena e 3 c.s. de água, e bata muito bem.
Numa frigideira antiaderente, untada de óleo, faça os crepes com a massa.
Reserve.

Recheio:
Pique bem as nozes (ou passe no processador), junte as passas e misture com o açúcar, raspas de limão e rum.
Coloque uma colher cheia sobre cada crepe e dobre formando um triângulo.

Calda de chocolate:
Bata juntos o chocolate em pó, açúcar e gemas.
Ferva o leite com a nata e adicione as gemas, batendo com uma varinha.
Volte ao fogo e cozinhe lentamente, mexendo, até o creme engrossar.
Tire do fogo, adicione o chocolate e o rum, mexendo até ficar bem misturado. Mantenha aquecido.

Para finalizar, aqueça uma frigideira grande com manteiga (ou margarina) e junte os crepes recheados, fritando delicadamente para aquecê-los, Cozinhe em ambos os lados.
 
Coloque os crepes nos pratos individuais, cubra com a calda quente e sirva.

quarta-feira, 17 de abril de 2013

Salmão com Ervilhas


Um almoço leve e saudável.
E pode servir de molho para acompanhar uma massa.

Ingredientes

- 800 g de ervilhas congeladas
- 2 postas ou filés de salmão
- 250 g de cebola, bem picada
- manteiga
- vinho branco
- leite
- pimenta-do-reino preta
- sal

Como Fazer

Em uma frigideira funda, ou panela, derreta um pouco de manteiga e refogue a cebola.

Quando a cebola ficar transparente, reduza com vinho branco.

Junte as ervilhas diretamente congeladas, um pouco de leite, sal e pimenta a gosto.

Tampe a frigideira e deixe cozinhar em fogo baixo por uns 10 minutos.


Junte o salmão cortado em cubos ou pedaços pequenos e cozinhe por mais 1 minuto.

Corrija o sal e a pimenta.

Sugestão: Para variar, substitua o vinho e o leite por caldo de galinha.

terça-feira, 16 de abril de 2013

Vinagres Aromáticos


 
Ingrediente indispensável na cozinha, o vinagre já pode ser encontrado no mercado com todo tipo de aroma e sabor. Mas sempre é divertido e agradável criar sua própria receita de vinagre aromático, sem contar que as garrafas podem ser muito decorativas, à mesa, ou na prateleira de sua cozinha.

A tarefa de aromatizar um vinagre é muito simples, mas o resultado pode ser fantástico. O importante é escolher os ingredientes certos para aromatizar o vinagre, bem como as quantidades corretas.

Primeiro, siga estes conselhos: utilize sempre vinagres de boa qualidade; guarde em garrafas de vidro branco (transparente); agite de vez em quando a garrafa para que os ingredientes se misturem bem.

Aqui estão algumas sugestões – mas sinta-se livre para criar sua própria “alquimia” aromática:

Vinagre 1:
- 1 litro de vinagre
- 1 cebola cortada em fatias finas
- 1 colher (sopa) de sementes de coentro
- 1 ramo de orégano fresco
- 1 pimenta vermelha (opcional).

Vinagre 2:
- 1 litro de vinagre de vinho branco
- 1 ramo de tomilho fresco

- 2-3 dentes de alho

Vinagre 3:
- ½ litro de vinagre de maçã
- 2 ou 3 dentes de alho
- 1 ramo de alecrim

Vinagre 4:
- ½ litro de vinagre de vinho branco

- 2 raminhos de estragão fresco
- 1 pedaço de casca de limão, cortada em fatias

domingo, 14 de abril de 2013

Pesto de Hortelã


Uma das ervas aromáticas mais fáceis de se cultivar é a hortelã, que, nas condições adequadas cresce em abundância a maior parte do ano. Muito utilizada em todos os continentes, a hortelã pode ser encontrada na cúlinária das mais diversas e criativas formas, tanto em comidas como em bebidas. Que tal experimentar esta receita refrescante e aromática de pesto de hortelã, para acompanhar uma massa ou um prato de carne?!

Ingredientes

- 2 xíc. de folhas de hortelã fresca
- 1/2 xíc. de salsinha
- 1 xíc. de pinoles
- 1 xíx. de azeite de oliva extra-virgem
- 1 xíc. de queijo parmesão ralado
- 2 dentes de alho
- sal e pimenta

Como Fazer

No processador de alimentos, junte a hortelã, a salsa e o alho.
Pique bem.

Junte os pinoles e bata novamente até ficar homogêneo.

Junte o queijo ralado e bata em velocidade baixa, em seguida adicione o azeite até obter uma pasta homogênea.

Tempere com sal e pimenta a gosto.

Guarde num pote bem tampado na geladeira até utilizar.

quarta-feira, 10 de abril de 2013

Involtini de Berinjela


 
Uma receita italiana prática e saborosa, estes rolinhos de berinjela – o legume substitui muito bem a massa do canelone – recheados de espaguete, e acompanhados de molho de tomates.

Ingredientes

- 1 berinjela grande
- 250 g de espaguete (sem glúten)
- 1 vidro de molho de tomates italiano
- fatias de queijo mussarela
- azeite de oliva extra-virgem
- sal light

Como Fazer

 Cozinhe o espaguete, segundo as instruções da embalagem (cozinhe al dente).
Reserve.

Lave a berinjela e corte em fatias finas no sentido longitudinal.
Leve a uma grelha por uns 5 minutos de cada lado.

Coloque uma porção da massa cozida dentro de cada fatia de berinjela.
Cubra com um pouco de molho de tomates e um fio de azeite.
Feche os rolinhos com um palito de dentes.

Unte um prato refratário fundo com um pouco de azeite de oliva.
Disponha os involtini dentro do prato, cubra com molho de tomates.
Coloque fatias de mussarela sobre os rolinhos.
Cubra tudo com um fio de azeite de oliva.

Se o molho de tomates for simples, você pode acrescentar folhas de manjericão fresco ou orégano para perfumar o molho.

Leve ao forno por alguns minutos para aquecer o molho e gratinar o queijo.

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Cupcakes de Quinua


 
Ingredientes

- 2/3 xíc. de água
- 1/3 xíc. de quinua branca
- 1/4 xíc. de creme de leite light
- 1/4 xíc. de mel líquido
- 1 ovo grande
- 1 clara de ovo
- 3 colheres (sopa) de óleo de canola, ou semente de uva
- 1/2 colher (chá) de extrato de baunilha
- 1/3 xíc. de coco ralado seco fino, sem açúcar
- 3/4 colher (chá) de fermento químico
- 1/4 colher (chá) de bicarbonato de sódio
- 1/4 colher (chá) de sal


Como Fazer

Pré-aqueça o forno a 180°C.
Forre uma fôrma para 24 mini-muffins com fôrminhas de papel manteiga.

Em uma panela de tamanho médio, cozinhe a quinua na água.
Quando ferver, reduza o fogo, cubra e cozinhe por 15 minutos.

Retire do fogo e deixe descansar tampado por mais 15 minutos.
A quinua deve ficar bem ‘fofa’.

Em um processador, misture o creme de leite, mel, ovo, clara, óleo e baunilha. Bata até misturar bem.

Junte ¼ xíc. de quinua e bata até ficar bem homogêneo.

Repita a operação, juntando ¼ xíc. de quinua, formando um purê a cada adição, até toda quinua estar misturada.

Em uma vasilha média, bata juntos coco ralado, fermento, bicarbonato e sal, até desaparecer qualquer grumo do coco.

Misture com o purê de quinua. Mexa até ficar homogêneo.

Divida a massa entre as forminhas de cupcake.

Asse por 12-15 minutos (ao inserir um palito de dentes no centro do bolinho, ele deve sair limpo). Retire do forno e deixe esfriar dentro da fôrma.

Prepare a cobertura de sua preferência (glacê, chocolate, geleias, etc.) e cubra os cupcakes.
 

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Goiabas ao Forno


 
Uma de minhas frutas prediletas é a goiaba, e ela já pode ser encontrada o ano inteiro nos supermercados. Uma sugestão de sobremesa muito simples e gostosa é assar a fruta inteira no forno. Leve ao forno enquanto serve a refeição, e sirva a sobremesa em seguida, quentinha!

A goiaba é uma fruta nativa da América tropical, e fácil de encontrar em todas as regiões do Brasil. A goiaba ao natural é rica em vitamina C e tem quantidades razoáveis de vitamina A e do complexo B. Além disso, contém sais minerais, como cálcio, fósforo e ferro. Em geral não tem muito açúcar e quase nenhuma gordura.

Ingredientes (4 porções)

- 4 goiabas maduras
- 100 ml de creme de leite fresco
- 200 g de açúcar
- 10 g de manteiga
- 100 ml de suco de maracujá

Como Fazer

Pré-aqueça o forno a 220º C.

Descasque as goiabas e retire a polpa com uma colher, sem perfurá-las.

Misture o creme de leite com 65 g de açúcar e encha as frutas.

Polvilhe as goiabas com o restante do açúcar, disponha em uma fôrma untada e leve ao forno por cerca de 30 min.

Regue de vez em quando as goiabas com seu caldo e o suco de maracujá.

Sirva quente.

quarta-feira, 3 de abril de 2013

Fritada (de forno) de Batatas e Brócolis


Um prato nutritivo para um brunch, ou almoço light.

 Ingredientes (4 porções)

- 2 batatas médias
- 1 ½ xíc. de brócolis
- 1 cebola média
- ½ pimentão vermelho
-  ½ pimentão amarelo
- 4 ovos grandes
- 1 xíc. de ricota light
- ½ colher (sopa) endro fresco, ou ¾ de colher (chá) endro seco
- 3 colheres (sopa) queijo parmesão ralado

Como Fazer

Pré-aqueça o forno a 180º C.
Unte com azeite de oliva uma forma de bolo redonda.

Descasque e corte as batatas em rodelas de 0,3 cm de espessura.
Corte a cebola em cubos.
Separe o brócolis em raminhos.
Pique bem o pimentão.

Disponha as rodelas de batata em uma única camada no fundo da forma.
Corte as fatias restantes ao meio e arrume-as na borda da forma.
Asse por 12-15 min., ou até ficarem ligeiramente coradas.

Numa panela grande untada com azeite de oliva, salteie o brócolis, a cebola e os pimentões por 3-4 min., até ficarem macios.
Adicione uma colher (sopa) de água ou de caldo de legumes, se necessário, para evitar que grudem.

Em uma vasilha, bata os ovos e a ricota (ou queijo cottage).
Misture os vegetais salteados, o endro e metade do queijo ralado.
Adicione a mistura de ovos à forma de bolo e asse por 20-25 min, ou até o ovo ficar firme.

Polvilhe com o queijo ralado restante e leve a fritada de volta ao forno por 1-2 min., só para o queijo derreter.
Corte em fatias e sirva. Se quiser, enfeite com rodelas de tomate.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails