segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Bolo de Laranja

 
Este bolo tem uma textura leve, de pão-de-ló - inclusive é uma boa receita para montar uma torta em camadas. Gosto de fazê-lo sem cobertura, para comer no café da manhã ou no chá da tarde, polvilhado com açúcar confeiteiro. Mas você pode fazer uma cobertura de glacê de laranja, calda de chocolate, ou de geleia de laranja. Ou ainda fazer muffins com coberturas variadas, enfeitar com granulados, etc.

Ingredientes

- 1/2 xícara de amido de milho
- 3/4 xíc. de farinha de arroz
- 1 xícara de açúcar refinado
- 1 c.s. (rasa) de fermento químico
- 4 ovos grandes
- 12 colheres (sopa) de suco de laranja
- açúcar confeiteiro (para polvilhar)

Como Fazer

Unte com margarina e polvilhe com farinha de arroz uma fôrma de anel (ou uma fôrma retangular média).
Pré-aqueça o forno a 180oC.

Separe as gemas das claras.
Bata as 4 claras em neve. Reserve.

Passe as gemas por uma peneira (para descartar a película externa da gema).

Dissolva a maisena no suco de laranja.

Na batedeira, bata as gemas com o açúcar, até obter uma gemada.
Junte a maisena dissolvida no suco de laranja, através de uma peneira, para garantir que não fique nenhum grumo não dissolvido.
Bata bem para misturar a gemada ao líquido.

Adicione aos poucos a farinha de arroz e o fermento (previamente peneirados juntos), batendo até misturar bem.

À mão, acrescente delicadamente as claras em neve (misture primeiro uma colher e a seguir o restante).

Despeje a massa na fôrma. Leve ao forno por cerca de 40 min., ou até o bolo ficar cozido por dentro (faça o teste do palito).

Deixe esfriar e polvilhe com açúcar de confeiteiro.

6 comentários:

  1. Ola boa tarde!
    fiz esta receita neste fim de semana. Ficou com gosto e cheiro acentuados de ovo; e ao mastigar dava pra sentir resquícios da maisena. A aparência e ficou linda, e super fofo, mas infelizmente estes "detalhes" negativos se sobressaíram :(
    Será que fiz alguma coisa errada??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tina,

      em primeiro lugar, peço desculpas por decepcioná-la com esta receita...
      que pena que o bolo não ficou bom, é chato quando uma receita não sai como se espera... Eu já fiz este bolo algumas vezes e não percebi estes problemas. O que pode ter dado errado? Você peneirou a maisena? Se não peneirar ela pode criar grumos e não se dissolver no líquido. A qualidade do amido de milho também pode influir bastante no sabor do bolo, ou outra receita qualquer.

      Outra coisa que não mencionei na receita é que é bom passar as gemas por uma peneira, sempre que possível, quando se faz bolos e outros doces, para separar aquela película que cobre a gema (esta película pode dar um sabor forte ao doce). Agora, a maisena é uma fécula de sabor acentuado mesmo, talvez você pudesse substituir uma parte por farinha de arroz - mas teria de ser testado para ver o resultado da textura do bolo. Por exemplo, faço o pão-de-ló sempre com polvilho, mas já experimentei usar apenas farinha de arroz, e não ficou ruim, apenas um pouco mais sequinho.

      De qualquer modo, vou preparar este bolo novamente, e se tiver algo a acrescentar ou corrigir, postarei um comentário a respeito.
      Obrigada por expor sua experiência com a receita e, se tiver mais alguma dúvida, sugestão ou reclamação, por favor, deixe um comentário em qualquer postagem, ou escreva para saudesemgluten@gmail.com.

      abraços,
      Sam.

      Excluir
  2. Caros leitores,

    antes de postar esta receita de bolo de laranja, eu a havia testado algumas vezes, e aprovado o resultado. Mas, após a experiência negativa relatada (acima) pela Tina (e de forma muito educada, o que agradeço imensamente a ela), resolvi repensar a receita, para garantir que o resultado seja plenamente satisfatório. Como eu havia comentado com a Tina, o amido de milho não é um ingrediente fácil de usar - por ser muito leve, pode formar grumos, e o sabor pode ficar forte (o que significa que o cozimento não foi completo). Enfim, uma solução simples foi reduzir a medida de maisena e acrescentar a farinha de arroz. O resultado é similar, ou seja, uma massa fofa, com textura de pão-de-ló. Não sei se a Tina terá coragem de testar a receita com as alterações, mas se ela, ou outros leitores quiserem dar sua opinião, ou sugerir alguma alteração, agradeço antecipadamente.

    abraços a todos,
    Sam.

    ResponderExcluir
  3. Oi Sam, com certeza vou fazer a receita novamente! Sou nutricionista, e ameeei esta receita que não vai nada de gordura! Inclusive vou tentar utilizar outros sabores ( como maracujá ou a tangerina), dps digo aqui pra vcs como ficou!
    Obrigada pela atenção!!

    ResponderExcluir
  4. Sam... ja fiz a receita novamente!
    Dessa vez usei maracujá no lugar da laranja, ficou com aroma muuuito bom, e com sabor suave.
    Assei em forminhas de cupcake, ficaram uma gracinha, só fiquei triste pq eles cresceram e dps murcharam um pouco.
    Mas continuo botando fé nesa receita, por não ter óleo ou margarina!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tina,
      que bom que você não me abandonou, rerê!
      Boa ideia usar suco de maracujá, vou experimentar.

      Sobre o fato de murchar, é complicado controlar isso, quando se usa claras em neve (igual ao suflê) - até tirar do forno muito rápido pode fazer o bolo encolher, né?

      E para quem quiser manter a receita leve, mas fazer uma cobertura mais docinha, uma calda rala com o suco fica muito bom, e deixa o bolo mais suculento.

      muito obrigada por compartilhar seu resultado com a receita,
      grande abraço,
      Sam.

      Excluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails